O que fazer em Lucca: roteiro de viagem

O que fazer em Lucca: roteiro de viagem

setembro 13, 2020 0 Por Ana

Muitas pessoas querem viajar, mas a pandemia não está facilitando muito para que isso aconteça. No entanto, se você está pensando em viajar para a Itália, mas ainda não sabe para onde ir ou o que fazer em Lucca, pode ficar tranquilo, porque este roteiro de viagem pode ser uma verdadeira mão na roda. Em apenas alguns parágrafos, você pode ter um planejamento completo.

Dotada de belezas naturais, esta cidade é extremamente simpática e hospitaleira, fazendo com que você deseje prolongar a sua estadia por mais alguns momentos além do planejado. Por isso, se for para Lucca, o ideal é separar alguns dias a mais para ficar.

O que fazer em Lucca: Muro de Lucca

O que fazer em Lucca

Sendo um dos principais símbolos da cidade, com toda a certeza o Muro é uma das melhores atrações para se conhecer. O recomendado é que você o conheça logo no primeiro dia, para poder aproveitar os principais aspectos de Lucca sem precisar gastar muito tempo para isso. Além disso, para quem gosta de uma boa caminhada, o ideal é dar uma passadinha no ambiente.

A estrutura que você pode ver agora data do século XVII. Ou seja, uma história bem longa esta trás de suas estruturas. No entanto, é possível lembrar que algumas manutenções são feitas constantemente para que a estrutura fique intacta e bem conservada para as próximas gerações.

Não muito tempo após a finalização da sua construção, toda a estrutura foi aberta para que os turistas pudessem, enfim, conhecer o local. Dessa maneira, toda a função militar que estava envolvida em sua concepção acabou por ser deixada de lado. Agora, o local é um dos principais pontos turísticos a ser encontrado na cidade.

Após essa maior abertura, a população teve uma mudança drástica em sua rotina. Tanto os moradores locais quanto os visitantes da cidade acabaram por adotar hábitos mais saudáveis, como caminhada, ciclismo e corridas ao redor do ambiente. Assim, todos acabaram ganhando.

Duomo

Da mesma maneira que muitas cidades italianas contam com uma grande quantidade de igrejas, Lucca não poderia ser diferente. No entanto, se você puder fazer um roteiro de viagens e precisar escolher uma delas, com toda a certeza o Duomo é a mais indicada.

Ao entramos no Duomo di Lucca, é possível encontrar o Volto Santo, uma relíquia que supõe-se ter vindo da Terra Santa, por volta do século VII. Por isso mesmo que a cidade se mostra muito importante quando o assunto são os peregrinos e outras questões religiosas.

Para que você possa ir até lá, será preciso desembolsar uma pequena quantidade de dinheiro. São cerca de 3 euros para manter a manutenção do ambiente, mas toda a visita é interessante o suficiente para ser deixada de lado. Além de ser um local importante para o turismo, também é importante para aumentar a sua bagagem cultural.

Então, se você é um daqueles turistas que realmente se interessa pela cultura local, deseja aprender um pouco mais sobre a história da cidade, este passeio em específico é indispensável. Indo muito além do que uma mera religião, você pode obter, em suas mãos, o poder do conhecimento.

Piazza dell’ Anfiteatro

O que fazer em Lucca

Mais um passeio para incentivar os turistas a gostar ainda mais do ambiente em que estão. No roteiro sobre o que fazer em Lucca, você não apenas conhece belezas naturais como sai abastecido por doses de cultura e aprendizado. A Piazza dell’ Anfiteatro reúne, em si mesma, uma vasta beleza e história.

Para se ter uma ideia da quantidade de coisas que o local tem a contar, ele foi construído durante o domínio de Roma, entre os séculos I e II antes de Cristo. Atualmente, poucas coisas restaram da arena, mas ainda é possível curtir todo o charme que foi deixado por sobre suas estruturas.

Além disso, se você está procurando um ambiente completo, com restaurantes, bares e lojas para aproveitar, o Anfiteatro é extremamente recomendado. É neste local que você encontra as melhores instalações de toda a cidade, para se sentir à vontade,

Se você prefere um caminho mais extenso e com oportunidades de conhecer melhor o local, então opte por fazer um passeio à Via Fillungo, onde você poderá ter acesso ao centro histórico e, ainda por cima, admirar a arquitetura com tons medievais, Muitas fachadas históricas foram preservadas no ambiente.

O que fazer em Lucca: Torre Guinigi

Há muitos anos, estes que já passaram, muitas torres podiam ser vistas pela cidade de Lucca. Atualmente, poucas delas restaram, fazendo com que apenas algumas estruturas do ambiente medieval fossem preservadas. Além disso, há uma estrutura que chama muito a atenção tanto dos moradores locais quanto dos visitantes.

A Torre Guinigi chama a atenção principalmente pelo jardim enorme e com grandes árvores plantadas em seu terraço superior. Para quem gosta de entrar em maior contato com a natureza, pode ter certeza que esta é uma opção sensacional. Não deixe de incluir no seu roteiro de viagem.

São cerca de 40 metros de altura na torre, permitindo que uma linda vista da cidade possa ser obtida pelos visitantes. O ideal é que você esteja disposto a caminhar um pouco, porque mesmo sendo alta, a torre não possui nenhum elevador. As pernas devem estar bem aquecidas para o passeio!

Pallazo Pfaner

O que fazer em Lucca

Inicialmente, o Pallazo teve a sua construção iniciada pela família Moriconi. Eles eram uma família de comerciantes muito importantes do século XVII. Pouco depois, no entanto, eles foram a vender o local por graves problemas financeiros. Em seguida, a família Cotroni tomou posse do local após ganhar um título de nobreza.

A família Pfaner, que atualmente dá nome ao local, só acabou por aparecer anos depois. Quando um produtor de cervejas austríaco chamado Feliz Pfaner comprou o local e abriu uma cervejaria para estimular a própria renda. Ela foi a primeira da cidade e uma das pioneiras na Itália.

Atualmente, para quem deseja visitar o Palazzo, é possível encontrar uma vasta exposição de roupas da nobreza do século XVIII. Em seu maravilhoso jardim, obras de arte, como estátuas barrocas, estão expostas para quem deseja ver.